Perfil da Câmara no X é invadido e post chama ministro de “ditador”

Date:

Atualize-se

O perfil da Câmara dos Deputados no microblog X, antigo Twitter, foi invadido na manhã deste sábado (10) e trouxe às 11h09 uma publicação que chama o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), de “ditador”. A postagem foi apagada logo em seguida.

Reprodução do post do X da Câmara dos Deputdos.  – Reprodução Camara dos Deputaos

A publicação, de possível ataque hacker, ataca ainda o ministro e o presidente Lula acusando os dois de planejarem um “golpe de Estado”. A última frase aponta que o autor da mensagem será “caçado”.  

“O ditador Alexandre de Moraes destrói a democracia. Estão planejando um golpe de Estado orquestrado pelo Alexandre e pelo @Lula. Serei caçado, mas estarei lutando contra”. 

Não há identificação de autoria da postagem, que ainda pede que perfis do Pastor Malafaia, do ativista Monark, do ex-presidente Jair Bolsonaro e do vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro repostem a mensagem.

“Conta foi hackeada”

No início da tarde deste sábado, em nota, a Câmara dos Deputados alegou que a conta foi hackeada com a publicação de uma mensagem considerada “injuriosa”.

A assessoria de comunicação garantiu ainda que a postagem foi apagada menos de 15 minutos depois. “(Foi) imediatamente trocada a senha de acesso para que novos ataques cibernéticos não sejam realizados”.

A Câmara dos Deputados ainda explicou que acionou autoridades policiais e medidas de segurança. Além disso, garantiu que fará uma “investigação interna”. 

“Estamos empenhados na melhoria contínua dos nossos processos de segurança para evitar que novos episódios como esse voltem a ocorrer”, acrescentou a nota.

*Matéria atualizada às 13h45 para acréscimo da nota oficial da Câmara dos Deputados

 

Patrocinado

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Patrocinadospot_imgspot_img

Compartilhar :

Assinar

Popular

- Patrocinadospot_imgspot_img

Relacionados
Relacionados

Combustível do futuro: proposta autoriza até 35% de etanol adicionado à gasolina

O marco legal do chamado Combustível do Futuro fixa em...

No Brasil, 49 milhões de pessoas usavam recursos precários de esgotamento sanitário, em 2022

Cerca de 24,3% da população brasileira ainda permanecia...

Retomada de obras: mais prazo para que gestores respondam diligências do FNDE

Das 3.783 obras previstas por meio do Pacto...