Coluna William Saliba – 16/07/15

0
742
As empresárias Maria Zilda Torres, Vânia Dias e Fátima Salles, integrantes do Conselho da Mulher Empreendedoras

Dólar favorece a Cenibra

A valorização do dólar frente ao real deve contribuir para o resultado financeiro da Cenibra, em 2015, embora a empresa projete uma redução na produção de celulose de 30 mil a 35 mil toneladas em relação a 2014. Uma preocupação da Cenibra é a reversão do decreto do Governo Federal que inibiu a aquisição de terras por estrangeiros. Esta medida praticamente impede a expansão da capacidade nominal da fábrica de Belo Oriente (orçada em cerca de R$ 2 bilhões), já que a Cenibra tem capital japonês.

Siderurgia já demitiu 12 mil

O parque siderúrgico nacional já contabiliza quase 12 mil demissões e estimativas do Instituto Aço Brasil dão conta de que outros 4 mil postos de trabalho poderão ser extintos ainda neste ano. Os impactos em Minas Gerais, que concentra mais de 30% da produção de aço do Brasil, são inevitáveis. Apenas nas últimas duas semanas, a ArcelorMittal dispensou 6% de seu quadro na planta de Juiz de Fora, na Zona da Mata. A informação foi confirmada pela empresa, que lamentou o desligamento de 50 pessoas na unidade.

As empresárias Maria Zilda Torres, Vânia Dias e Fátima Salles, integrantes do Conselho da Mulher Empreendedoras
As empresárias Maria Zilda Torres, Vânia Dias e Fátima Salles, integrantes do Conselho da Mulher Empreendedoras

MP investiga Lula

A Procuradoria da República abriu hoje, em Brasília, investigação contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva onde apura suposto tráfico de influência para favorecer a construtora Odebrecht. A decisão, com indícios suficientes para investigação, acontece depois de um inquérito preliminar de maio para investigar se Lula, após deixar a presidência, beneficiou a Odebrecht entre 2011 e 2014, ao influenciar ações de autoridades estrangeiras e do presidente do BNDES, Luciano Coutinho.

Ação pela natureza

A partir de amanhã até 14 de agosto, a Vale repete a campanha contra queimadas, em vários municípios ao longo da Estrada de Ferro Vitória a Minas. A empresa alerta sobre os riscos que esses incidentes representam tanto para as pessoas que vivem nas proximidades da linha férrea, quanto para as operações ferroviárias de carga e passageiros. A expectativa é que cerca de 5 mil pessoas sejam sensibilizadas durante a campanha.  As ações serão realizadas em Ibiraçu, Colatina e Baixo Guandu, no Espírito Santo; e Itueta, Conselheiro Pena, Barra do Cuieté, Governador Valadares, Periquito, Ipaba, Timóteo e Nova Era, em Minas Gerais. A escolha destas cidades se deu em função de levantamento feito pela Vale sobre os pontos ao longo da ferrovia, onde os focos de queimada, nesta época, são recorrentes.

Lazer

O Sesc Fundação Aperam Acesita e o Sindcomércio do Vale do Aço promovem Rua de Lazer neste sábado (18), das 9h às 13h, na Praça 1º de Maio (Coreto), em Timóteo. Serão realizadas oficinas de pintura facial, bijuteria e de construção de chaveiros em E.V.A., cama elástica, air games, brinquedos infláveis, espaço kids (para menores de cinco anos), além de apresentações artísticas e brincadeiras.

Emerson “Tutu”, Raul Assunção e Leandro Cortezão integram a banda Camaro de Timóteo
Emerson “Tutu”, Raul Assunção e Leandro Cortezão integram a banda Camaro de Timóteo

Camaro e Rural Willys

O espaço cultural Garajão, em Ipatinga, recebe, neste sábado (18), as bandas Rural Willys e Camaro para o “Rock n’ Blues Night”. A união da Rural Willys e Camaro, numa mesma noite, propiciará ao público a junção do rock com o blues, segundo o fotógrafo Nilmar Lage, um dos idealizadores do evento. Na estrada desde 2010, a banda Rural Willys é oriunda do município de Monsenhor Paulo (próximo a Varginha). O grupo possui 10 composições autorais reunidas no CD independente “Pés na Estrada”. A Camaro, fundada em 2011, em Timóteo, se enquadra no gênero ‘classic rock’. O repertório inclui grupos internacionais como AC/DC, Led Zeppelin, Cream, The Doors, Beatles e Nirvana e, ainda, artistas nacionais como Raul Seixas, Ira! e Titãs.

A banda Rural Willys faz releitura para rock ‘n’ roll de clássicos do blues, sábado, no Garajão, em Ipatinga  (Foto: Thiago Bode)
A banda Rural Willys faz releitura para rock ‘n’ roll de clássicos do blues, sábado, no Garajão, em Ipatinga  (Foto: Thiago Bode)

Sem-Terra

O presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, deputado Cristiano Silveira, e o líder do bloco governista Minas Melhor, deputado Rogério Correia, ambos do PT, estiveram ontem (15) em Tumiritinga para acompanhar as investigações sobre o acidente aéreo matou o prefeito de Central de Minas, Genil Mata da Cruz, e de um funcionário da prefeitura. Os parlamentares conversaram com lideranças dos sem-terra instalados na fazenda e propuseram que as mais de 100 famílias desocupem a área, por questão de segurança e para aliviar as tensões sociais, agravadas após o acidente. Os sem-terra admitiram aceitar a proposta, mas fizeram exigências.

Compartilhe