Brasileirão/2015: Paulistas empatam e mantém liderança isolada

0
436
durante o jogo realizado esta tarde na Allianz Arena entre Palmeiras/SP x Corinthians/SP, valido pela 23a. rodada do Campeonato Brasileiro de 2015. Juiz: Raphael Claus - Sao Paulo/Brasil - 06/09/2015. Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

por Nilton Ramos*

Três jogos no sábado e sete neste domingo marcaram a 23ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A/2015.

Destaque para o clássico paulista disputado na Arena Palestra entre Palmeiras e Corinthians. Uma partida com seis gols, em que o Verdão do técnico Marcelo Oliveira foi melhor em campo, teve maior posse de bola, perdeu pelo menos duas oportunidades de marcar, mas erros defensivos tiveram como consequência o placar final em 3 a 3.

Para o Palmeiras o empate não foi bom, para um time que almeja o ‘G-4’ e o próprio título brasileiro da temporada teve sabor amargo de uma derrota.

Ao contrário da equipe de Tite, que mesmo não jogando bem, não perdeu as oportunidades, e com o empate se manteve isolado na liderança, com 50 pontos.

GALO SE REABILITOU AO VENCER FORA – No sábado, o Atlético, ‘injustiçado’ pela arbitragem no Campeonato Brasileiro foi ao Rio de Janeiro e aumentou o sofrimento e a crise do Vasco da Gama, ao fazer 2 a 1, mesmo jogando no Maracanã.

Uma vitória importante para o Galo e desesperadora para o Vasco. Foto: Daniel Augusto Jr./Vasco.com.br

Uma vitória importante para o Galo e desesperadora para o Vasco. Foto: Daniel Augusto Jr./Vasco.com.br

 

A vitória sobre o time mosqueteiro poderia ter sido mais comemorada se o Palmeiras tivesse batido o Timão. Contudo, o Galo Bicudo tirou pelo menos dois pontos de diferença do primeiro colocado, e segue na captura do topo.

No Morumbi, o São Paulo venceu o Internacional por 2 a 0. Atlético e Joinville ficaram no 0 a 0, em Curitiba.

NO ANIVERSÁRIO DO MINEIRÃO CRUZEIRENSES GANHAM PRESENTES – No jogo que comemorou o cinquentenário do Estádio Mineirão, o Gigante da Pampulha, em Belo Horizonte, dois presentes para os torcedores do Cruzeiro.

Mano Menezes estreia com vitória maiúscula no Mineirão. Foto: ESPN. com.br
Mano Menezes estreia com vitória maiúscula no Mineirão. Foto: ESPN. com.br

Apresentação do novo técnico do time celeste, Mano Menezes, que chegou para o lugar de Vanderlei Luxemburgo, demitido, e a vitória maiúscula de 5 a 1 sobre o razoável Figueirense.

No Maracanã, um clássico sem muitos atrativos entre Fluminense e Flamengo, pela ausência de seus principais jogadores: Fred e R10 pelo lado do Tricolor, e Paolo Guerrero pelo lado do Rubronegro. Mas no final, deu Fla, com 3 a 1.

O Grêmio jogando em casa bateu, de virada o Goiás por 2 a 1, e segue firme à luta pelo título nacional do ano.

O Coritiba marcou importantes três pontos em Santa Catarina, ao superar o Avaí, por 2 a 0. Os outros dois confrontos do domingo terminaram sem vitoriosos, com os empates entre Chapecoense 0 x 0 Ponte Preta e Sport 1 x 1 Santos, em Recife.

Foram marcados 28 gols na rodada. E três empates. São Paulo, Cruzeiro e Grêmio fizeram valer o mando de campo, vencendo em seus domínios. Enquanto Atlético e o Coxa fizeram bonito, e venceu como visitantes.

O clássico entre Flu x Fla disputado no Maracanã entre dois times da capital. E pela manutenção da ponta, a valorização do empate do Corinthians no campo do adversário, no clássico com o Palmeiras.

TÍTULO AINDA ABERTO – Não se pode afirmar que depois da 23 rodada, com o Corinthians mantendo a ponta com cinco pontos na frente do Galo Mineiro [50 contra 45] que o time do Parque São Jorge levantará o troféu de campeão.

Em terceiro, Grêmio soma 44 pontos. Em quarto, São Paulo, com 38. Em quinto lugar o Atlético Paranaense com, 37. Depois, Flamengo e Palmeiras, com 35, mas o time carioca leva vantagem sobre Verdão, e por isso ocupa a sexta colocação na tabela.

Fluminense em oitavo, com 33, seguido pelo Santos, também com 33 pontos assinalados. Na décima, o Sport Recife com 32. Abaixo, com 31, o Inter. Em décimo segundo a Chapecoense com, 29. Cruzeiro com 28, em décimo terceiro. Com 28, a Ponte Preta vem logo na cola do time celeste. Com 26, Figueirense e Curitiba, em décimo quinto e décimo sexto respectivamente. A vitória do Coxa dá um pequeno alívio ao time curitibano, que deixou para trás, Goiás, com 25, Avaí, com 23, Joinville, 21 e o Vasco da Gama, com 13 pontos, segurando a lanterna.

Compartilhe