STF é uma vergonha sim!

0
257

Por Wederson Marinho

A decisão do Marco Aurélio Mello rebaixa novamente o STF ao permitir a prisão apenas com trânsito em julgado e garante a impunidade para os poderosos que conseguem arcar com bons advogados para driblar as infindáveis possibilidades do nosso sistema de recursos.

Marco Aurélio Mello zomba dos brasileiros e cria regra para que milhares e milhares de bandidos possar sair livres e/ou impunes e voltarem ao convivio social, continuando a prática contumaz de crimes e usarem seus recursos para fugirem do país,  como temos acompanhado o caso do terrorista italiano Cesare Battisti.

Pra fuder mais ainda, abre espaço para que muitos processos possam prescrever e beneficiar mais um infindável número de bandidos e seus crimes, como já vem acontecendo com o caso do curandeiro Joãode Deus que  está escapando de responder por várias acusações por este motivo ridiculo. Para as vitimas nunca irá prescrever seus crimes.

Precisamos lutar para a criação de mecanismos constitucionais que impeçam aberrações monocráticas como esta absurda e inacreditável decisão do Ministro Marco Aurélio que age como militante de toga.

Que Deus abençoe o Brasil e livre nosso povo da possibilidade da abertura dos portões das cadeias para aproximadamente 140 mil presos em segunda instância que podem ser soltos para voltarem a roubar, estuprar, corromper, assassinar e continuar e gerar mais caos para felicidade da Orcrim mais organizada do Brasil.

Finaliznado, o STF se cala diante da incapacidade também do povo brasileiro se defender contra todos os bandidos que eles soltam por não revogarem este insano Estatudo do Desarmamento.

Enquanto estão preocupados com os presídios cheios de vagabundos, ladrōes e corruptos. Eu tô preocupado com as delegacias e cemitérios cheios de vítimas! País da vergonha!!!

Questionamentos

Como podem ser tão agéis os advogados de Lula que pediram a sua liberdade 48 minutos após decisão de MAM?

#dontreadonme #keapcalmandcarryon #STFéumavergonha #caboesoldado #legitimadefesa #armamentocivil