Médicos abrem mão de cobrança por cirurgia de Bolsonaro

0
48

A internação de Jair Bolsonaro no hospital Albert Einstein em janeiro e fevereiro custará R$ 400 mil aos cofres públicos.

A verba, relata a Folha, sairá dos recursos da Presidência da República.

Os custos não incluem o trabalho dos médicos que realizaram a cirurgia para a reconstrução do trânsito intestinal. Os profissionais não cobraram pela operação nem pela consulta de revisão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here